Fragmentos da estátua de Lenine, derrubada no fim de semana durante as manifestações em Kiev, Ucrânia, estão à venda na internet.

O monumento, em quartzito vermelho, está a ser vendido a partir de quatro euros e meio por quilo. O preço depende da parte do corpo.

Uma mão custa 87 euros e uma parte do braço 65 euros, por exemplo. Já a cabeça do líder da revolução Russa e fundador do Estado Soviético «não tem preço», segundo os anúncios colocados na internet.

A estátua do líder bolchevique encontrava-se numa praça de Kiev desde dezembro de 1946. Foi derrubada no domingo por um grupo de ativistas.