A operadora ferroviária nipónica Central Japan Railway anunciou, esta quarta-feira,o seu projeto de construção de um comboio de levitação magnética capaz de atingir os 600 quilómetros por hora e quer ter o novo transporte operacional em 2027.

A empresa, que já tinha começado os testes com os novos modelos de comboios de alta velocidade, conhecidos como «Maglev» ¿ levitação magnética ¿ vai começar a construção da nova linha de super alta velocidade que terá seis estações já em 2014.

A central Japan Railway espera inaugurar a sua primeira linha comercial entre as cidades de Tóquio e Nagoya em 2027, um percurso de 286 quilómetros que o novo modelo de comboio irá percorrer em 40 minutos, menos uma hora que o mesmo percurso feito com os atuais «shinkansen», ou comboio bala, refere um despacho da agência Kyodo.