Maioria das mensagens no «Twitter» são sobre «nada»

Um estudo analisou duas mil mensagens e teve como objectivo perceber o tipo de utilização desta rede social

Por: Redação / RS    |   17 de Agosto de 2009 às 14:22
41 por cento das mensagens escritas no «Twitter», serviço de micro-blogging, são sobre «nada».

Este é o resultado de um estudo da empresa «Pear Analytics» citado pela «BBC», cujo objectivo foi perceber rapidamente que utilização fazem as pessoas deste serviço.

«Estou a comer uma sandes» é um exemplo do tipo de mensagens mais escritas no «Twitter» integradas na categoria «nada».



Com 38 por cento estão as mensagens de conversa, vários «tweets» trocados entre duas pessoas. Seis por cento foi considerado «spam».

Foram analisadas ao todo duas mil mensagens, divididas em várias categorias, de que são exemplos: «notícias», «spam», «auto-promoção», «nada», «conversas».



Veja aqui mais informações e dados sobre o estudo
PUB
Partilhar
EM BAIXO: Twitter
Twitter
COMENTÁRIOS

PUB
BES: «Não encostei uma pistola à cabeça de ninguém»

«Fala-se do buraco, do buraco, do buraco no meu mandato... Apresentem-me números». Ano e meio depois de sair, ex-presidente do BESA diz que a carteira de crédito cresceu ainda mais, com outros a liderar o banco. Quanto à garantia do Estado angolano, afirma que caiu por culpa do Banco de Portugal. Já sobre os créditos em si, assume a responsabilidade por tê-los pedido, mas quem autorizou foi o BES: «Não encostei uma pistola à cabeça de ninguém». Há alguma contradição nas suas explicações sobre onde é que, afinal, pára o dinheiro dos polémicos créditos que desapareceram