Investigadores anunciaram esta quarta-feira que uma vacina contra o Dengue se mostrou totalmente eficaz a prevenir a doença em 21 voluntários que receberam uma dose enfraquecida do vírus num pequeno ensaio clínico controlado.

Os resultados, publicados na revista Science Translational Medicine, são promissores no desenvolvimento de uma vacina para aquela que é a doença transmitida por mosquitos mais prevalente em todo o mundo, infetando anualmente quase 400 milhões de pessoas em mais de 120 países, dizem os cientistas.

As conclusões deste ensaio são muito encorajadoras para aqueles que, como nós, têm dedicado muitos anos a trabalhar em candidatas a vacinas para proteger contra o Dengue", disse o coautor do estudo Stephen Whitehead, do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infeciosas, nos EUA.

Os resultados do ensaio clínico, feito com 41 voluntários com saúde, dos quais 21 receberam uma única dose da vacina e aos outros um placebo, são muito promissores para prevenir a infeção com o vírus do dengue, da mesma família do Zika, também transmitido por picada de mosquito.