A descoberta na China de fósseis de três espécies desconhecidas do período Jurássico reforça a ideia de que os primeiros mamíferos podem ter surgido há 200 milhões de anos, revela um estudo publicado na revista «Nature».

A investigação, liderada pelo paleontólogo Kin Meng, parte da descoberta dos fósseis de três espécies do grupo dos roedores com grande capacidade de adaptação e cuja relação com os mamíferos tem sido debatida.

A equipa de cientistas acredita que esta espécie muito antiga de mamíferos é aparentada com outro grupo extinto de animais, numa relação que poderá explicar como e quando evoluíram os primeiros mamíferos.