A Wikipedia anunciou, na segunda-feira, o maior ataque de sempre a utilizadores com identidades falsas. O site lançou uma repressão que tem como alvo os utilizadores pagos para postar artigos que promovem produtos.

A diretora-executiva da Wikimedia Foundation, Sue Gardner, assegura que a empresa baniu cerca de 250 contas de utilizadores. A Wikipedia tem cerca de 250 mil editores voluntários e conta já com mais de 30 milhões de artigos.

«Os nossos leitores sabem da Wikipedia não é perfeita, mas também sabem que temos as melhores intenções e nunca tentamos vender produtos e propagandeá-los de qualquer maneira», garantiu Gardener, citada pela «Time».

«O nosso objetivo é fornecer informação neutra e fiável aos nossos leitores. Qualquer coisa que ameace isso é um problema sério», acrescentou.