Um pirata informático da Mauritânia divulgou um arquivo que contém os detalhes de mais de 15 mil dados de login de utilizadores do Twitter. Os dados divulgados pelo «Mauritania Attacker» são compostos pelo ID e pelo nome dos utilizadores, e também pelos códigos oauth_token, supostamente secretos que podem ser usados para entrar nessas contas sem a necessidade de senha.

O site indiano de segurança Techworm entrevistou o «hacker», que diz ter toda a base de dados de utilizadores do Twitter. O «Mauritania Attacker» afirma que vai divulgar novos detalhes no futuro.

Não está claro se o pirata informático conseguiu as informações junto dos sistemas do Twitter ou através de uma aplicação terceirizada. Uma das hipóteses seria ter invadido o servidor de autenticação da rede de microblogs. Sem a senha não é possível alterar detalhes da conta, mas pode-se publicar em nome do utilizador até que ele desautorize a aplicação comprometida.