Um colaborador de uma das lojas da Lacoste, em Nova Iorque, foi demitido por publicar o recibo de vencimento no Instagram. Wade Groom, assim se chama o agora desempregado, já explicou que nem tinha qualquer intenção de reclamar do ordenado, mas apenas do elevado custo de vida de Nova Iorque.

Mas a Lacoste alegou quebra de confidencialidade e despediu-o, apesar de, de acordo com o «Daily Mail», até ser o melhor vendedor da loja. Wade conta que, apesar de ganhar 1200 euros por semana, se sentia frustrado por não conseguir dar aos filhos «uma vida melhor».