Um terço dos portugueses (33%) nunca usou Internet, o terceiro valor mais elevado da União Europeia, apenas atrás de cipriotas e polacos (32% em ambos os casos), segundo um inquérito do Eurostat divulgado nesta quarta-feira em Bruxelas.

O inquérito do gabinete oficial de estatísticas da União Europeia sobre a utilização de Internet na UE em 2013 revela ainda que apenas 62% dos lares em Portugal possuem ligação à Internet, o quarto valor mais baixo entre os 28 Estados-membros, onde a média atinge os 79%, variando entre os 54% na Bulgária e os 95% na Holanda.

Relativamente à frequência de utilização de Internet, em percentagem de indivíduos, 48% dos portugueses inquiridos indicaram que a usam diariamente, também neste caso um dos valores mais baixos da UE, onde, em média, 62% dos cidadãos «navegam» todos os dias na Internet.

Um em cada 10 portugueses acede à Internet pelo menos uma vez por semana, mas não diariamente - neste caso em linha com a média da UE, também de 10% -, enquanto 33% indicaram que nunca usaram a Internet, um valor muito superior à média comunitária, de 21%.

Já quanto ao recurso à Internet para interagir com autoridades públicas, o valor de Portugal, de 38%, está muito próximo da média da UE, de 41%, sendo que a grande maioria (69%) o faz para entregar a declaração de impostos.