O inventor espanhol Eusébio Moro criou um sistema de combate a incêndios de bolas com espuma mais eficaz, económico e pode ser utilizado durante a noite e à distância, evitando risco para os bombeiros.

Segundo Eusébio Moro, citado pela agência de notícias espanhola EFE, o novo sistema permite apagar o fogo e evitar que avance de forma «quase instantânea», estando a despertar o interesse de vários países, como os Estados Unidos.

O sistema criado pelo empresário espanhol é composto por cápsulas com cerca de dois metros de diâmetro, que contêm uma pasta com um agente químico e outros elementos que explodem como uma bomba de fragmentação quando está em cima do fogo.

As bolas podem ser atiradas sobre o fogo por um helicóptero ou avião.

Eusébio Moro explicou que este sistema é mais barato do que o atual, uma vez que as aeronaves atualmente têm de percorrer longas distâncias para se abastecerem de água no mar, piscinas ou reservatórios, além de atuar mais rapidamente e de forma mais precisa sobre o incêndio.

O empresário destacou também que a espuma contém esferas «altamente à prova de fogo», que são desenhadas para apagar o incêndio rapidamente e apresentam vantagens em relação à água.