Os três satélites lançados pela China no passado dia 25 para controlar movimentos de aviões civis e tentar evitar misteriosos desaparecimentos já se encontram em órbita, informou esta terça-feira o responsável pela conceção do projeto, Wu Shufan.

Os designados CubeSats, que pesam apenas sete quilogramas cada, estão equipados com câmaras de observação das regiões polares e com recetores de sistemas de identificação automática emitidos por embarcações e aviões.

Satélites como estes poderiam ter evitado a perda de contacto com o avião da Malaysian Airlines, que desapareceu a 08 de março de 2014 com 239 pessoas a bordo quando realizava o voo MH370 entre Kuala Lumpur e Pequim.