A partir desta terça-feira, a Google vai mudar. Quando fizer uma pesquisa no motor de busca, as primeiras opções que lhe vão aparecer serão aquelas que «são aquelas que são amigas dos smartphones».

Uma trabalho de pesquisa do gigante da informática chegou à conclusão que 60 por cento das suas buscas, como refere o «Business Insider», são feitas por telemóveis e smartphones, ou seja, aplicações móveis, pelo que, a Google decidiu privilegiar esse acesso.

Ainda assim, o motor de busca avisou das mudanças com dois meses de antecedência, para dar tempo a todos para se adaptarem.

A nova tática de negócio pode prejudicar essencialmente pequenos negócios, que ainda não têm aplicação móvel, mas, sinal dos tempos, o Google não adia mais o negócio e esses vão sentir uma quebra grande de page views (visitas).

Pequenos e grandes porque, como noticia o «Business Insider», o «Daily Mail» ou a «Ryanair» ainda não se atualizaram.