A Terra está com os dias contados. Quem o garante é Stephen Hawking que diz que os humanos vão fazer com que a Terra se torne numa bola de fogo gigante já em 2600.

Segundo o cientista britânico, que participou via vídeo na Tencent WE Summit, em Pequim, os seres humanos têm de ir até onde ninguém foi para conseguir manter a espécie viva por mais alguns milhões de anos. Se não o fizerem, o mundo vai ficar superlotado e não vai resistir ao aumento do consumo de energia feito.

Por isto, Hawking pediu aos investidores internacionais que apoiem o seu plano de viajar para o espaço para conseguir encontrar um planeta com condições de vida humana.

O sistema estelar mais próximo do Sistema Solar é o Alpha Centauri, também conhecida como Rigil Kentaurus. É para lá que o físico britânico e outros cientistas querem enviar, dentro de 20 ou 30 anos, uma pequena nave espacial (através do projeto Breakthrough Starshot) para mostrarem que este sistema pode ter exoplanetas com características semelhantes à da Terra, onde os humanos podem viver. 

"Este veículo poderia chegar a Marte em menos de uma hora, ou chegar a Plutão em dias, passar a Voyager em menos de uma semana e chegar ao Alpha Centauri em pouco mais de 20 anos", afirmou Hawking no evento.

Também o CEO da SpaceX, Elon Musk, concordou que num futuro próximo acontecerá uma extinção em massa que eliminará os humanos da Terra, acrescentando que começou a empresa com o objetivo de tornar a humanidade numa "espécie multi-planetária".