O incêndio numa empresa de resíduos, na Zona Industrial de Pataias, Alcobaça, mantinha-se ativo às 22:00 com as chamas circunscritas a uma zona de depósito de sucatas, informou o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

“As chamas estão circunscritas a um local onde se amontoam toneladas de sucata o que está a tornar os trabalhos muitos demorados”, disse à agência Lusa fonte do CDOS de Leiria.

Os bombeiros no local estão a ser apoiados por duas máquinas da empresa, que, “depois de apagadas as chamas, removem os resíduos para que seja efetuado o seu arrefecimento”, explicou.

O incêndio deflagrou às 16:10 de hoje na Ecocil, uma empresa de comércio e gestão de resíduos industriais, sediada na zona industrial de Pataias, no concelho de Alcobaça.

As chamas estão a ser combatidas por 37 bombeiros de nove corporações (Pataias, Alcobaça, Marinha Grande, S. Martinho do Porto, Nazaré, Batalha, Maceira, Benedita e Juncal), apoiados por 13 viaturas.

O efetivo no local foi durante a tarde reforçado com uma viatura de espumífero, ativada depois de ter sido afastada de perigo de utilização daquele produto em face dada a quantidade e diversidade de materiais depositados na sucata.

Do incêndio não resultaram feridos nem perigo para outras empresas da zona industrial nem para uma zona de mato localizada nas proximidades.

De a cordo com o CDOS os trabalhos no local poderão prolongar-se por várias horas dependendo do estado do tempo.