O departamento de Armas e Explosivos da Polícia de Segurança Pública (PSP) destruiu esta quinta-feira um conjunto de armas de fogo e de armas brancas que pode ascender a três mil unidades, informou a PSP.

A destruição, marcada para as 10:00, decorreu numa empresa em Paio Pires, Seixal, e é a terceira que ocorre este ano.

Em 2013, a PSP destruiu 16.695 armas, 15.480 das quais de fogo.