Um grupo de três homens encapuzados tentou assaltar uma padaria e agrediu o casal proprietário e um vizinho, numa aldeia perto de Beja, tendo a mulher ficado gravemente ferida, disse à agência Lusa fonte da GNR.

Segundo a fonte, na quarta-feira, cerca das 23:00, os três homens entraram encapuzados na padaria, na aldeia de Padrão, provavelmente para tentarem roubar dinheiro ou bens, mas foram surpreendidos pelo casal dono do estabelecimento comercial.

Por terem sido surpreendidos, os três homens agrediram o casal, o homem, de 78 anos, e a mulher, de 54, e também um vizinho, de 70 anos, que, entretanto, se tinha deslocado à padaria, alertado por barulho.

Um familiar do casal explicou esta quinta-feira à Lusa que o vizinho, alertado por gritos, deslocou-se ao interior da padaria para ver o que se passava e também foi agredido pelos três homens.

Depois de conseguir fugir da padaria, e já no exterior, o vizinho deu o alerta e, gritando, disse que «ia buscar uma arma», tendo sido nessa altura que os três homens fugiram, contou o familiar do casal.

Segundo a fonte da GNR, os dois homens foram assistidos no Hospital de Beja e já tiveram alta, enquanto a mulher entrou naquela unidade hospitalar «gravemente ferida» e, depois, foi transferida para o Hospital de S. José, em Lisboa, onde está internada.

A mulher, que sofreu «a maioria» das agressões na face e na cabeça, está «gravemente ferida», mas «não corre risco de vida», indicou a familiar.

A investigação do caso passou para a alçada da Polícia Judiciária (PJ).