«No templo maior da palhaçada, dão-se as últimas representações do plano B de Cavaco Silva, também conhecido por plano A do governo. Os novos secretários de estado são de um lote especialmente risível: ou videirinhos ou amanuenses ou lambe-botas¿ Estão na linha das estrelas da companhia, duas das quais já divertem na praça pública: Marilú e Machete ameaçam comprometer a salvação estafada do presidente, que não cuidou de vetá-los.»