O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) intercetou no domingo, no aeroporto de Lisboa, um cidadão que transportava no organismo mais de um quilograma de cocaína.

O SEF adianta que o homem, de 22 anos, foi intercetado no posto de fronteira do aeroporto de Lisboa, quando chegava a Portugal e estava a fazer o controlo documental.

Segundo o SEF, cidadão, que vinha num voo proveniente do Brasil com destino a Lisboa, transportava produtos estupefacientes no seu organismo, tendo confirmado aos inspetores daquele serviço de segurança que tinha engolido mais de 100 cápsulas de cocaína, num peso superior a um quilograma.