Um homem suspeito de assaltar residências escalando prédios, que ficou conhecido como o «homem aranha do Cacém», em Sintra, foi detido na passada quarta-feira, em Colares, quando se preparava para realizar outro assalto, informou esta quinta-feira a GNR.

A Guarda Nacional Republicana (GNR) avançou, em comunicado citado pela Lusa, que o homem de 23 anos, que está atualmente a cumprir pena suspensa pelos crimes de furto em interior de residência e tráfico de estupefacientes, ficou em prisão preventiva.

A medida foi decretada pelo Tribunal da Comarca de Lisboa Oeste-Sintra, após o suspeito ter sido ouvido.

Os militares da GNR encontraram os bens furtados pelo suspeito perto da casa assaltada, nomeadamente uma espingarda caçadeira, dois computadores portáteis, um ‘tablet’, uma máquina fotográfica e um telemóvel.

O Núcleo de Investigação Criminal de Sintra encontrou também no âmbito deste caso, numa casa de valores da região de Sintra, ouro furtado no valor de 15 mil euros.

O suspeito já tinha cumprido dois anos de pena efetiva no Estabelecimento Prisional de Caxias.

Durante as diligências, a GNR acabou por deter ainda outro homem, de 21 anos, quando se preparava para assaltar uma residência na zona do Pinhal do Banzão, também em Sintra.