A Polícia Judiciária (PJ), através da Unidade Local de Investigação Criminal de Vila Real, anunciou hoje ter detido dois homens pela presumível autoria de um crime de sequestro agravado e roubo.

Em comunicado, a PJ diz que os factos ocorreram no dia 11 de setembro, cerca das 11:00, na cidade de Lamego, quando os «autores forçaram a vítima, um homem de 44 anos, a entrar para a bagageira de uma viatura automóvel».

«Conduziram-na para um Lugar ermo na Serra das Meadas, em Lamego, onde a compeliram a despir-se, apropriando-se dos seus bens pessoais, tendo-a de seguida agredido violentamente. Os autores acabaram por abandonar a vítima naquele local, completamente nua», diz o comunicado da PJ.

Os autores, realça ainda a PJ, «tiveram como motivação a aplicação de um corretivo à vítima, dada a suspeita sobre aquela da prática de um crime de furto num estabelecimento da propriedade de um dos autores».

Os detidos, de 25 e 44 anos, empregado de balcão e comerciante, respetivamente, vão ser presentes a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.