O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses decidiu hoje avançar para uma greve dos profissionais do Centro Hospitalar de Lisboa Central, no dia 26 deste mês, segundo disse à Lusa uma dirigente sindical.

Guadalupe Simões indicou que esta foi a decisão tomada no plenário de trabalhadores que se realizou hoje, no Hospital de São José, em Lisboa, embora ainda falte emitir o pré-aviso de greve.

De acordo com a sindicalista, na base da decisão para avançar para a greve está a saída de muitos enfermeiros do Centro Hospitalar de Lisboa Central, sem que tenha havido reposição de profissionais.

O Centro Hospitalar de Lisboa Central (CHLC) engloba os hospitais de São José, Capuchos, Santa Marta, Curry Cabral, Maternidade Alfredo da Costa e D. Estefânia.

¿Há uma desregulamentação total dos horários dos enfermeiros, que se encontram exaustos e a fazer turnos seguidos sem folgas¿, explicou.

Esta semana o Sindicato já realizou plenários de trabalhadores em três unidades hospitalares do CHLC, tendo hoje ficado decidido avançar para a greve no dia 26 de agosto.