Há um novo grafíti no Porto contra Rui Rio, no dia em que é lançado um livro sobre o antigo presidente da Câmara portuense.

Este grafíti surgiu pintado no muro da Fundação António de Almeida, onde o livro vai ser lançado ao final desta tarde.

O livro chama-se "Raízes de aço" e foi escrito pelo psiquiatra Carlos Mota Cardoso.

"Raízes de aço não dão bons frutos" e "Rui Rio és um F.D.P." foram pintados nas paredes do muro da Fundação.

Mas não é a primeira vez que esta última expressão aparece pintada nas ruas do Porto. Em 2012, o próprio Rui Rio apresentou uma providência cautelar para impedir a publicação de um roteiro sobre restaurantes, porque na fotografia da capa aparecia, pintada numa parede, a expressão "Rui Rio és um FDP".

Na altura, o autor do roteiro alegou que o significado da sigla podia ter varias leituras, como, por exemplo, "Rui Rio és um fanático dos popós".