Sete jovens foram resgatados do mar, esta quarta-feira em Vila Praia de Âncora, Caminha, dois dos quais foram transportados ao hospital de Viana do Castelo em estado de hipotermia, disse à Lusa o capitão do porto local.

De acordo com o capitão do porto e comandante da Polícia Marítima (PM) de Caminha, Gonzalez dos Paços "o grupo de jovens encontrava-se na praia de Vila Praia de Âncora, a sul do rio Âncora", uma zona localmente conhecida como a praia do campo de futebol do Âncora Praia, "quando decidiram ir à água".

Foram arrastados pelas correntes. Alguns conseguiram sair pelos próprios meios e dar o alerta. Dois foram salvos por surfistas", explicou o responsável.

"O mar está calmo mas aquela é uma zona de agueiero [correntes], o que a torna muito perigosa", disse.

Gonzalez dos Paços adiantou que "o grupo recebeu assistência no local mas dois dos sete jovens foram transportados ao hospital de Viana do Castelo por apresentarem sinais de hipotermia".

Segundo Gonzalez dos Paços "os jovens encontravam-se numa zona que mesmo durante a época balnear não é vigiada".

Ao local compareceram os bombeiros voluntários de Vila Praia de Âncora e Caminha, a Viatura de Emergência Médica (VMER) estacionada no hospital de Viana do Castelo, a ambulância de Suporte Básico de Vida (SBV), a viatura de assistência do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), a Polícia Marítima de Caminha e a patrulha da GNR de Vila Praia de Âncora.