A PSP deteve 415 pessoas por condução com excesso de álcool, 26 por posse de arma ilegal e 176 por tráfico de droga, durante a operação Verão Seguro 2016, iniciada a 15 de junho, divulgou a polícia esta quarta-feira.

A PSP realizou ainda 130 detenções por mandado, três por situação irregular em território nacional, 161 por falta de habilitação legal para conduzir, 44 por desobediência, 32 por agressão a elemento policial, quatro por injúrias, 64 por furto e 20 por roubo.

No âmbito da segurança privada, a ação da PSP abrangeu, entre outros, 184 estabelecimentos de dança e nove recintos desportivos, tendo, ao nível rodoviário, sido efetuadas 1551 operações.

No âmbito da segurança rodoviária, 82.517 viaturas foram fiscalizadas, tendo sido detetadas 588 faltas de cinto de segurança, 720 usos indevidos de telemóvel durante e condução e 115 casos de falta de sistemas de retenção/”cadeirinha” para crianças.

A PSP contabilizou ainda a apreensão de 21 armas de fogo e 39 armas brancas, 30.000 quilos de explosivos, cerca de 100.000 doses de produto estupefaciente, incluindo 59.116 doses de ecstasy, 17.050 de heroína e 12.789 de cocaína.

A Operação Verão Seguro, que prossegue até 15 de setembro, conta com a participação de todos os Comandos (Regionais, Distritais e Metropolitanos) da PSP, tendo já envolvido 12 mil pessoas e três mil viaturas, "na prossecução da visibilidade, prevenção e diminuição dos índices de criminalidade e de sinistralidade rodoviária em todo o país".