Um polícia de Carnaxide, que se encontrava de folga, foi agredido na noite de quinta-feira, no interior de um comboio que fazia a ligação Lisboa-Porto, por dois jovens que a PSP de Aveiro deteve, anunciou esta sexta-feira aquela autoridade.

Em comunicado, a PSP refere que o agente tentava repor a tranquilidade dentro do comboio, na sequência de distúrbios entre dois indivíduos, quando foi agredido com socos pelos mesmos, após ordem de cessar o ruído. O revisor solicitou a intervenção da esquadra da PSP de Aveiro que enviou dois agentes para a Estação de Aveiro.

Quando o comboio parou na Estação, os agentes entraram na composição e imobilizaram os agressores, procedendo à sua detenção.

O polícia que foi agredido, pertencente à esquadra de Carnaxide, do Comando Metropolitano de Lisboa, teve de receber tratamento hospitalar, não carecendo de internamento.

De acordo com o comunicado, os dois jovens, de 19 e 20 anos, ambos sem profissão e sem residência fixa, já se encontram “referenciados” pela prática de vários furtos no interior de residências.

A PSP refere ainda que os detidos não possuíam bilhete de comboio, tendo-lhes sido apreendidos vários telemóveis, relógios e ‘tablets’, entre outros artigos, por suspeita de proveniência ilícita, além de um canivete.