A PSP identificou na sexta-feira dois homens, de 20 e 28 anos, pela prática de roubo com recurso a arma branca numa residência da freguesia de São João de Deus, em Lisboa, informou o Comando Metropolitano de Lisboa da polícia.

A PSP iniciou a investigação depois de ter tido conhecimento de um roubo a 19 de junho numa residência, na freguesia de S. João de Deus, e conseguiu identificar os suspeitos da autoria do crime, assim como recuperar parte das peças em ouro que tinham sido roubadas, num total de 43 gramas, de dois estabelecimentos de compra deste tipo de artigos, na Amora.

Os dois suspeitos terão trocado os restantes artigos em ouro por drogas, pelo que «a investigação continuará a decorrer com o objetivo de se recuperarem os restantes objetos roubados», refere o comunicado do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, como refer a agência Lusa, e que conduz o caso através da Divisão de Investigação Criminal.

A PSP revela que os dois suspeitos já foram constituídos arguidos e que, no dia do roubo, os mesmos «seguiram a vítima, menor de idade, até à sua residência esperando que entrasse na habitação».

«De seguida, tocaram à campainha e após a menor abrir a porta, com a ameaça de uma arma branca entraram na residência de onde subtraíram vários artigos eletrónicos e artigos em ouro no valor total de 2.490 euros», conta a PSP, em comunicado.

A polícia explicou ainda que no âmbito da investigação foram efetuadas duas buscas domiciliárias com o consentimento dos visados, tendo sido apreendido nas suas habitações duas consolas de jogos.