Um projeto de lei do PS pedindo que o Mosteiro dos Jerónimos mereça estatuto de Panteão Nacional foi aprovado esta quinta-feira no parlamento, na generalidade, com os votos favoráveis de todos os partidos.

A alteração à lei que "define e regula as honras do Panteão Nacional" foi aprovada na generalidade com "luz verde" de todas as bancadas.

O texto dos socialistas pede o reconhecimento do estatuto de Panteão Nacional aos Jerónimos "sem prejuízo da prática do culto religioso", sendo que o Panteão permanece instalado em Lisboa, na Igreja de Santa Engrácia.