Uma carrinha funerária, uma ambulância, um carro-patrulha e um táxi vão estar lado a lado, na quinta-feira, na berma da EN-103, em Póvoa de Lanhoso, numa ação “de choque” da GNR local contra a condução sob efeito do álcool.

O alferes Noé Pinto, do Destacamento da GNR de Póvoa de Lanhoso, explicou hoje à Lusa que a ideia é “de alguma forma chocar” os automobilistas, fazendo-os “acordar” para os perigos que advêm de uma condução sob o efeito do álcool.

Trata-se de uma ação inserida na campanha da GNR "A decisão de quem o leva a casa é sua! Se beber não conduza".

“No fundo, o que fizemos foi passar a imagem do folheto dessa campanha para um cenário real, usando as quatro diferentes viaturas na nossa ação de sensibilização, porque pensamos que assim a mensagem pode ser mais forte e apelativa”, acrescentou Noé Pinto.

A ação da GNR de Póvoa de Lanhoso decorrerá das 16:30 às 18:00, naquela vila, na berma da EN-103.

Aquela estrada foi escolhida por ser muito movimentada, podendo assim a mensagem chegar a um grande número de automobilistas.

“Estamos numa quadra festiva e às vezes cometem-se exageros à mesa, pelo que todas as campanhas de sensibilização são importantes para reduzir a sinistralidade rodoviária”, acrescentou Noé Pinto.

Os folhetos e os ‘outdoors’ da campanha "A decisão de quem o leva a casa é sua!” alertam que um em cada três condutores mortos em acidentes de viação conduzia com uma taxa ilegal de álcool no sangue.