A Polícia Judiciária (PJ) deteve um casal que terá efetuado o pagamento da estadia numa unidade hoteleira do Porto com “utilização fraudulenta” dos dados de um cartão de crédito titulado por cidadão estrangeiro.

Em comunicado, a PJ refere que foram apreendidos aos suspeitos passaportes falsos, bem como documentação bancária e fiscal obtida com aqueles documentos, presumivelmente para cometimento de novos ilícitos.

A identidade verdadeira dos detidos ainda se encontra em dúvida, face à existência de vários documentos de identificação que possuíam”, acrescenta.

Diz ainda que a identidade será objecto de “cabal esclarecimento” através da cooperação policial internacional.

Os detidos, de 20 e 47 anos, são suspeitos da autoria de crimes de falsificação de documentos e informáticos.

Vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das respetivas medidas de coação.