A Polícia Judiciária anunciou hoje a detenção, fora de flagrante delito, de um homem pela presumível prática de um crime de homicídio qualificado da companheira, no Porto.

Em comunicado, a PJ esclarece que os factos ocorreram na madrugada desta terça-feira, na cidade do Porto, na sequência de um desentendimento entre o suspeito e a vítima, sua companheira.

Na ocasião, acrescenta a PJ, “no interior do quarto onde residiam e em contexto de violência doméstica, o suspeito terá desferido várias pancadas na vítima, apertando-lhe o pescoço e provocando-lhe assim a morte por asfixia”.

O detido, de 46 anos, sem ocupação laboral, com antecedentes criminais pela prática de crimes de tráfico de estupefacientes e de furto, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das adequadas medidas de coação.