A PSP anunciou, esta terça-feira, a detenção de quatro homens suspeitos da autoria de crimes de roubo e furto em residências nos concelhos de Loures e Odivelas, nos quais aplicavam bastante violência sobre as vítimas.

De acordo com a PSP, os homens têm idades entre os 18 e os 49 anos e foram detidos na sexta-feira durante uma operação policial.

Os detidos são suspeitos de praticarem vários roubos e furtos em residências, recorrendo à coação e à violência «extrema» sobre vítimas previamente escolhidas em função da idade avançada.

De acordo com a polícia, em algumas destas situações, os suspeitos aplicavam «bastante violência», provocando o internamento hospitalar das vítimas dos assaltos.

De seguida, roubavam bens como dinheiro, artigos em ouro ou aparelhos elétricos e colocavam-se em fuga em viaturas nas quais se encontrava um elemento do grupo.

A investigação teve início há cinco meses e, até ao momento, a polícia conseguiu estabelecer a ligação do grupo a cinco crimes de roubo e seis de furto qualificado.

Durante a operação policial que levou à detenção dos suspeitos, a PSP efetuou cinco buscas domiciliárias e apreendeu uma pistola de calibre 6.35 mm, uma caçadeira de canos serrados, 40 munições, dois televisores LCD, duas máquinas fotográficas, relógios, mil euros e vários artigos em ouro.

Os detidos têm antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crimes e, depois de terem sido presentes a tribunal, dois deles ficaram em prisão preventiva, enquanto os restantes receberam como medida de coação as apresentações quinzenais numa esquadra da polícia.