Um homem de 79 anos morreu neste domingo na sequência de um incêndio no apartamento onde morava, no Porto, apesar dos esforços da mulher para tentar conter as chamas, segundo os bombeiros.

De acordo com fonte dos Sapadores Bombeiros do Porto, o incêndio ocorreu por volta das 10:00 na habitação do rés-do-chão, localizada na rua de Moreira, tendo acorrido ao local também os Bombeiros Voluntários do Porto, uma Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) e a equipa de apoio psicológico do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Segundo a mesma fonte, a mulher, de 72 anos, estaria na cozinha quando se apercebeu do fumo, pelo que se dirigiu ao quarto, onde se encontrava o marido, que já estaria “envolto em chamas”.

No entanto, apesar dos esforços também encetados pelos vizinhos, já não foi possível retirar o homem da habitação.

De acordo com os Sapadores, que estiveram no local com três viaturas e 12 elementos, o fogo foi restringido ao quarto, cabendo à Polícia Judiciária apurar as causas do sucedido.