A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta quarta-feira a detenção, em Portugal, de um estrangeiro suspeito de passagem de moeda falsa e de pertencer a «uma importante organização de tráfico internacional de droga e de branqueamento de capitais».

Em comunicado, a PJ refere que a detenção ocorreu em território nacional, onde o suspeito, de 41 anos, possuía residência temporária, na sequência de uma «intensa troca de informação com o Corpo Nacional de Polícia de Espanha».

A Diretoria do Norte da PJ apreendeu 240 euros em notas falsas que o detido tinha em sua posse, bem como 102.100 euros «em notas do BCE [Banco Central Europeu]», quantia que a polícia encontrou e que suspeita estar relacionada «com o financiamento daquela referida atividade criminosa».

A PJ acrescenta que a «importante» organização de tráfico internacional de droga e de branqueamento de capitais opera entre a América do Sul e a Europa.

O detido, já referenciado pela polícia por passagem de moeda falsa, «designadamente no decurso de avultados depósitos efetuados em instituições bancárias nacionais», vai agora ser presente às competentes autoridades judiciárias.