A Guarda Nacional Republicana (GNR) efetuou 151 detenções em flagrante delito no fim de semana, incluindo 103 por condução sob o efeito do álcool, uma por homicídio e uma por posse ilegal de armas, informou esta segunda-feira a GNR.

As restantes detenções estão relacionadas com condução sem habilitação legal (23), furto (3), tráfico de droga (2) e outros crimes (18).

Foram elaborados 150 autos de notícia por detenção em flagrante delito e 2.408 autos de contraordenação relativa a legislação diversa.

No âmbito do trânsito, foram fiscalizados 6.454 condutores e detetadas 2.392 infrações, sendo de realçar 269 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 1.786 excessos de velocidade (em 62.503 controlos), seis relativas a excesso ou deficiente acondicionamento de carga e 14 relacionadas com tacógrafos.

Durante as operações, a GNR apreendeu 63 doses de cocaína, 5.510 doses de haxixe, 7,9 gramas de liamba, 25 selos de LSD, 10,2 gramas de MDMA, 1,6 gramas de anfetaminas, seis armas de fogo, seis armas brancas, 645 munições de diversos calibres, um veículo ligeiro, um veículo pesado e 252 euros em numerário.

A ação da GNR visou a prevenção e combate à criminalidade violenta e a fiscalização rodoviária, entre outros objetivos, e decorreu nos distritos/comandos territoriais de Aveiro, Beja, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Madeira, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.