A PSP de Espinho deteve um homem, de 42 anos, suspeito de ter agredido com um machado o responsável por uma oficina de automóveis.

Segundo um comunicado da PSP, as agressões ocorreram na passada segunda-feira, ao final da tarde, depois de o indivíduo alegadamente ter furtado um automóvel numa oficina situada em Vila Nova de Gaia.

De acordo com a PSP, o suspeito, residente em Oliveira de Azeméis, circulava num veículo furtado em maio passado e, quando chegou à oficina, entrou noutro que ali se encontrava e, através de ligação direta, colocou-se em fuga.

Apercebendo-se da situação, o responsável pela oficina seguiu no encalce do assaltante, tendo vindo a intercetá-lo em Espinho, barrando-lhe o caminho com a viatura que conduzia, de acordo com a Lusa.

Nessa altura, o suspeito terá saído do veículo com um machado na mão e desferido alguns golpes na viatura que estava a bloquear o caminho, quebrando o para-brisas.

Ao verificar que o indivíduo se dirigia novamente para o veículo, com o intuito de se colocar em fuga, o responsável pela oficina agarrou-o, mas o suspeito agrediu-o com o machado, na zona esquerda do rosto.

As agressões cessaram com a chegada da PSP ao local, refere a mesma nota, adiantando que o suspeito foi detido pela prática dos crimes de furto e uso de veículo, tendo sido apreendidos os dois veículos furtados e o machado.

O Instituto Nacional de Emergência Médica e os Bombeiros de Espinho acorreram ao local para prestarem assistência médica aos dois intervenientes e os conduzirem ao Hospital, não tendo sido, no entanto, necessário internamento.

O suspeito, que está referenciado nesta Polícia pela prática do mesmo tipo de crime e pelo consumo de estupefacientes, entre outros, pernoitou nos quartos de detenção daquela esquadra e vai ser presente hoje ao Tribunal de Santa Maria da Feira.