“O SEPNA levou pelo que encontrámos no arame farpado de uma cerca com mais de um metro de altura. Não pode ter sido um cão.”