O trânsito na estrada da Beira (Estrada Nacional 17), entre Lousã e Coimbra, registou esta terça-feira vários quilómetros de fila devido a um deslizamento de terras a que esteve ainda associado um acidente com um ferido, informou a GNR.

A chuva intensa, durante a noite e a manhã, acabou por formar uma torrente de águas que arrastou toneladas de pedras e lama para a estrada EN 17, que liga Lousã, Vila Nova de Poiares e outros concelhos do interior a Coimbra, verificou a agência Lusa no local.

O Comando Distrital de Coimbra da GNR deslocou para o local alguns efetivos, que intervieram na sequência das derrocadas e da colisão de duas viaturas durante várias horas, acompanhando os trabalhos de limpeza da estrada e apoiando o tráfego, que chegou a estar «muito condicionado» entre as 08:30 e as 09:30.

O incidente verificou-se debaixo da A13, autoestrada que liga Coimbra a Tomar.

Com auxílio de uma escavadora e alguns camiões, dezenas de trabalhadores procederam à desobstrução da via, para onde eram arrastadas mais pedras e terra à medida que novas chuvadas ocorriam.