A autarquia diz, contudo, que “a questão não se coloca”.











“Não conhecendo com pormenor o projeto, além daquilo que foi divulgado pela comunicação social, não nos poderemos pronunciar, pois desconhecemos qual o tipo de árvores que pretendem plantar, designadamente o seu porte no enfiamento da pista 03, bem como se são propensas ou não à ‘atração’ de grandes quantidades de aves”, acrescentou a NAV.