Uma reativação , este domingo, do incêndio que começou na sexta-feira em Pombal, Leiria, obrigou à intervenção de 279 bombeiros, que estavam a ser apoiados por 69 viaturas e um meio aéreo, pelas 17:00.

Apesar disso, a situação foi rapidamente controlada, cerca de meia hora depois. O dispositivo utilizado no combate às chamas passou para 143 operacionais, 28 viaturas e dois meios aéreos.

De acordo com a página de internet da Autoridade Nacional de Proteção Civil, este incêndio começou na sexta-feira, 14:14, em Vila Cã.

Este fogo chegou a mobilizar, ainda na sexta-feira, mais de 400 bombeiros.

Nesse dia, provocou cinco feridos ligeiros, dois dos quais bombeiros, estes na sequência do despiste da viatura em que seguiam.