Notícia atualizada às 22:00

Quatro bombeiros de Vila Nova de Poiares foram assistidos no hospital e já tiveram alta, depois de quatro viaturas terem sido queimadas num incêndio que lavra em Penacova, disse à Lusa o presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP).

Mais de 800 bombeiros combatem quatro fogos no país

Jaime Marta Soares adiantou que dois bombeiros receberam assistência médica no centro de saúde de Penacova e outros dois foram para o Hospital de Coimbra devido à inalação de fumo, mas já receberam alta.

Segundo o presidente da LBP, quatro carros foram hoje à tarde consumidos pelas chamas num incêndio que às 18:50 ainda lavra na localidade de Carvoeiro, Penacova.

As chamas destruíram duas viaturas dos bombeiros voluntários de Penacova, uma da corporação de Vila Nova de Poiares e outra da corporação de Brasfemes, tendo os bombeiros que seguiam nos carros conseguido fugir das chamas.

No entanto, os quatro bombeiros de Vila Nova de Poiares fugiram para uma zona queimada e inalaram fumo.

O incêndio foi dominado às 20:59, encontrando-se ainda ativos cinco fogos nos distritos de Viseu, Guarda e Porto, segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

O incêndio em floresta no concelho de Penacova teve início às 13:47 e ainda mobiliza 315 operacionais e 84 viaturas, segundo a página na Internet da ANPC.

O fogo andou muito perto das povoações de Riba de Cima, Sanguinho e Carvoeiro.

A Proteção Civil dá ainda conta de que continuam ativos cinco outros incêndios - quatro dos quais mobilizam mais meios -, estando destacados, às 21:30, nestes fogos, um total de 591 operacionais e 160 viaturas.

Com duas frentes ativas, o incêndio em floresta, em Vila Longa, no concelho de Sátão, no distrito de Viseu, está ativo desde as 14:04, mobilizando no local 279 bombeiros, apoiados por 71 viaturas.

Ainda no distrito de Viseu, 144 operacionais e 35 viaturas combatem as chamas num fogo em floresta, no concelho de São Pedro do Sul. Este incêndio teve início às 13:15 e mantém duas frentes ativas.

Um incêndio em mato lavra desde as 14:56 no concelho de Trancoso, no distrito da Guarda, estando a combater as duas frentes 139 operacionais, apoiados por 43 viaturas.

Um outro fogo, com três frentes ativas, está em curso no concelho de Amarante, no distrito do Porto, desde as 15:49 e, no local, estão 108 bombeiros e 34 viaturas.

Desde as 00:00 deste domingo, já deflagraram 232 incêndios florestais.