Três pessoas, um casal e a filha, ficaram hoje desalojadas em Arraiolos em consequência de um incêndio que destruiu o primeiro andar da casa onde moravam, tendo as chamas já sido extintas, informaram os bombeiros.

Contactado pela agência Lusa, o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora explicou que o alerta para o fogo foi dado às 12:35 e que as operações de rescaldo terminaram por volta das 16:00.

As chamas, disse a mesma fonte, «deflagraram no primeiro andar» da habitação, o qual ficou danificado, tendo ardido todo o recheio.

«É uma casa de rés-do-chão e primeiro andar, mas só este primeiro andar é que ardeu. O recheio da casa que aí se encontrava também ardeu por completo», referiu o CDOS.

Na habitação, acrescentou, morava um casal e a filha, que «ficaram desalojados».

O presidente da Câmara de Arraiolos, Jerónimo Loios, disse à Lusa que as três pessoas vão ficar temporariamente alojadas «em casa de familiares».

As chamas foram combatidas por 24 bombeiros da corporação de Arraiolos, apoiados por sete viaturas.