O bloco operatório do Hospital de Santo António, no Porto, está encerrado devido ao rebentamento de uma caldeira, seguido de incêndio.

Várias cirurgias tiveram de ser adiadas.

Não há vítimas, mas parte do hospital está sem aquecimento.

Fonte desta unidade hospitalar disse à Lusa que o funcionamento do bloco operatório “vai ficar afetado enquanto decorrer a intervenção nas caldeiras, pelo que uma parte das cirurgias de hoje não se realizam”.

A mesma fonte acrescentou que o problema ficou circunscrito às áreas técnicas exteriores ao hospital e que “já está em curso o processo de reabilitação”.

“Tratou-se de um problema na caldeira que resultou num derrame de líquido termofluido, que danificou as bombas circuladoras."

O alerta foi dado pouco depois das 23.30 e à meia-noite ainda era visível o fumo intenso que saía de uma ala, obrigando ao corte da rua.