A Inspeção-Geral das Atividades em Saúde abriu um inquérito ao caso de um jovem que sofreu um acidente e foi transferido de Chaves para Lisboapor alegada falta de vagas nos hospitais das regiões Norte e Centro do país. De acordo com a TSF, o inquérito foi aberto na semana passada, um mês depois de ter sido conhecido o caso.

A situação já estava a ser investigada pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte. Agora, a Inspeção-Geral de Saúde decidiu abrir um inquérito autónomo, considerando que o caso é grave.

A TSF ouviu uma fonte ligada ao processo, que considera inaceitável um doente vir de Chaves até Lisboa depois de um acidente por falta de vagas em vários hospitais e sublinha que é preciso encontrar responsáveis.