A PSP de Loures apreendeu esta semana na União de Freguesias de Santa Iria da Azoia, São João da Talha e Bobadela, na zona oriental da Grande Lisboa «68 plantas suspeitas de serem papoilas de ópio Papaver Somniferum, habitualmente utilizadas para se efetuar a produção de heroína», revela num comunicado divulgado esta quarta-feira.

A polícia «identificou seis locais de plantação» e acrescenta que «as plantas [estavam], ainda em estado verdejante, medindo entre os 30 e os 175 centímetros, sendo que sensivelmente metade das plantas apreendidas se encontravam já em estado final de maturação».

«As plantas encontravam-se maioritariamente em terrenos privados, estando uma pequena parte, plantada em canteiros na via pública junto a residências».