A GNR salientou hoje que, no âmbito da operação "Verão Seguro" realizada entre 01 de junho e 15 de setembro, verificaram-se este ano menos 615 acidentes e menos 63 mortos do que em igual período de 2012.

Em comunicado, a GNR referiu que durante esse período intensificou as ações de patrulhamento e reforçou a segurança dos principais eixos rodoviários, tendo as 20 operações a nível nacional de prevenção rodoviária refletindo-se na diminuição da sinistralidade naquele período.

Assim, registaram-se 20.083 acidentes (menos 615 que em igual período de 2012), 141 mortos (menos 63), 464 feridos graves (menos 9) e 6861 feridos leves (menos 395).

A operação Verão Seguro incluiu ainda outras ações destinadas a garantir a realização de todas as atividades de caráter lúdico, religioso, cultural ou outro tipo de manifestações próprias desta época, num clima de segurança e tranquilidade, tendo nesse âmbito sido envolvidos 12.350 militares no policiamento de cerca de 3.000 eventos e de 62 grandes eventos.

A Guarda Nacional Republicana realizou também, em igual período, em todo o território nacional, a operação «Verão Seguro - Chave Direta», a qual se destinou a apoiar a população no período estival, através de uma ação de patrulhamento mais intensivo, às residências dos cidadãos que se ausentaram durante aquele período.

Aderiram ao Programa Verão Seguro - Chave Direta 2.034 pessoas.