Tudo indica que se tratava de um "habitué", já que o indivíduo "se encontrava indiciado pela prática de idênticos ilícitos criminais em diversas localidades do país". Desta vez, a GNR acredita ter detido o suspeito de efetuar furtos de esmolas no interior do Santuário da Nossa Senhora da Peneda, concelho de Arcos de Valdevez.

Houve uma denúncia de furto no Santuário da Nossa Senhora da Peneda, e o suspeito foi então localizado e intercetado.

Entre o material apreendido no carro do homem de 63 anos estava "fita adesiva de dupla face, utilizada para retirar moedas e notas do interior das caixas de esmolas", segundo refere a GNR, em comunicado.

No carro, também apreendido, a Guarda apanhou 2210 euros em numerário e ainda dois talões de depósito de numerário numa entidade bancária.

O suspeito foi constituído arguido e sujeito a termo de identidade e residência. Será presente a primeiro interrogatório judicial quinta-feira, dia 1 de setembro, no Tribunal Judicial de Ponte da Barca.