A noite de passagem de ano deverá ser fria, sem chuva, e com neve acima dos 1200/1400 metros de altitude, disse a meteorologista Madalena Rodrigues.

Em declarações à agência Lusa, a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) adiantou que durante o dia desta quarta-feira, principalmente a partir da tarde, e devido à passagem de uma superfície frontal, vai ocorrer precipitação.

“Esta precipitação pode ser por vezes forte no Minho e no Douro litoral. Após a passagem da superfície frontal, o tempo começa a melhorar. Ainda vamos ter alguns aguaceiros, que vão diminuir de frequência nas regiões do norte e centro até ao final da manhã de quinta-feira”, explicou.


A partir da tarde de quinta-feira, salientou Madalena Rodrigues, não se prevê precipitação, situação que deverá manter-se até ao início da tarde do primeiro dia de 2016.

De acordo com a especialista, prevê-se na quinta-feira uma descida da temperatura mínima nas regiões do norte e centro e da máxima em todo o território do continente.

“No dia de Ano Novo estamos a prever apenas uma descida da temperatura mínima. Estamos a prever temperaturas mínimas no interior de 3/4 graus e de um grau negativo em Bragança e nas Penhas Douradas”, disse.


As temperaturas máximas na véspera de ano novo e no primeiro dia de 2016 vão variar entre 5 e 18 graus Celsius.

“Quanto à neve, deverá cair nas regiões do norte e centro acima dos 1200/1400 metros durante o dia de hoje e no final do dia”, disse.


Na quinta e sexta-feira está também previsto vento fraco a moderado do quadrante oeste, tornando-se fraco a partir do início da tarde, formação de geada, em especial nas regiões do interior e possibilidade de neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais.