A GNR envolve a partir desta segunda-feira e até domingo 2.300 elementos numa operação chamada “veículos pesados”, uma iniciativa simultânea em toda a Europa e que em Portugal pretende chegar a 900 ações de fiscalização.

Segundo um comunicado da GNR enviado à Lusa, a fiscalização incidirá especialmente em veículos pesados de mercadorias e de passageiros e irá, nomeadamente, controlar o peso e os tacógrafos (tempos de condução e de repouso, pausas e manipulação) dos veículos.

A iniciativa envolve militares dos comandos territoriais, da Unidade Nacional de Trânsito, do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente e da Unidade de Ação Fiscal.

Os militares vão ter também especial atenção na verificação do acondicionamento e transporte de carga e o controlo da condução sob efeito de álcool, além de infrações de natureza fiscal, aduaneira e ambiental.