A GNR anunciou a detenção de um homem de 40 anos, construtor civil de profissão, que cultivava cannabis num terreno isolado, na localidade de Mata de Lobos, concelho de Figueira de Castelo Rodrigo.

Segundo fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda, o homem foi detido na terça-feira, em flagrante delito, por elementos do Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Vilar Formoso, por crime de tráfico de estupefacientes.

A fonte disse à agência Lusa que a plantação de cannabis encontrava-se numa arriba do rio Águeda, junto a um olival, num terreno isolado e localizado próximo da fronteira com Espanha.

«A plantação já tinha uma grande complexidade em termos do desenvolvimento da planta e estava equipada com sistema de rega gota a gota», indicou.

Durante a operação, a GNR apreendeu 33 plantas canábis, com altura compreendida entre 50 centímetros e 1,5 metros, uma moto quatro e um tanque com capacidade para 1.000 litros de água.

O detido vai ser presente ao tribunal de Figueira de Castelo Rodrigo para primeiro interrogatório e aplicação de eventual medida de coação, noticia a Lusa.