A polícia venezuelana anunciou esta terça-feira a detenção de quatro suspeitos do homicídio de dois jovens descendentes de madeirenses, mortos depois de terem pedido uma fatura numa oficina perto de Caracas.

Entre os quatro detidos, está o mecânico de uma oficina onde o carro de uma das vítimas estava a ser reparado. Perante o valor do orçamento da reparação, na ordem dos 65.000 bolívares fortes (oito mil euros), um dos jovens pediu uma fatura da caução entregue, refere a polícia.

As autoridades encontraram os corpos dos dois jovens, com sinais de disparos de balas, dentro de uma viatura, na localidade de Los Teques, Estado de Miranda, a sul de Caracas, noticia a Lusa.